REUNIÃO PLENÁRIA

Aprovado PL que garante atendimento em Libras à pessoa surda

terça-feira, 02/04/19 15:24

O texto será enviado ao prefeito, para sanção ou veto, na forma do substitutivo-emenda que prevê o uso de tecnologias de acessibilidade

Com votação majoritária do Plenário, foi aprovado em 2º turno, na tarde desta segunda-feira (1º/4), o Projeto de Lei 538/18, do vereador Irlan Melo (PR), prevendo o atendimento às pessoas surdas por meio da Língua Brasileira de Sinais (Libras), em todos os órgãos públicos da capital. O texto será enviado ao prefeito, para sanção ou veto, na forma do substitutivo-emenda nº1, que sugere a utilização de tecnologias acessíveis à pessoa surda para facilitar a comunicação. Os parlamentares aprovaram também o Dia da Conscientização sobre a Surdocegueira e nova regulamentação para medidas compensatórias de empreendimentos urbanísticos. Confira a pauta completa e o resultado da reunião.

Conforme proposto no PL 538/18, o direito à comunicação em Libras ficaria garantido em todos os órgãos públicos, incluindo fundações e autarquias. Para oferecer o serviço, o Poder Público Municipal estaria autorizado a firmar convênios com entidades sociais voltadas ao atendimento de pessoas surdas. Apresentado pelo próprio autor do projeto, o substitutivo-emenda nº1 altera o texto conferindo caráter autorizativo à norma e flexibilizando a forma de atendimento. Os órgãos poderiam oferecer um intérprete de Libras ou disponibilizar um funcionário apto a se comunicar por essa língua. Ainda, o atendimento poderia ser feito por meio de ferramentas digitais ou outras tecnologias de acessibilidade.

Também em atenção à população surda, deve ser instituído o Dia de Conscientização sobre a Surdocegueira, a ser celebrado anualmente no dia 12 de novembro. A data comemorativa foi proposta pelo vereador Gilson Reis (PCdoB), na forma do PL 635/18, aprovado já em 2º turno. De acordo com o projeto, a medida busca oferecer maior visibilidade às pessoas com surdocegueira e sua condição única, assim como sensibilizar todos os setores da sociedade, combatendo qualquer forma de discriminação.

O parlamentar explica que a surdocegueira é caracterizada pela ausência da visão e da audição de forma simultânea e em graus diferentes. “Não são duas deficiências juntas, mas sim uma deficiência única, que precisa ser tratada de forma específica”, alerta o parlamentar, lembrando que, segundo a Federação Nacional de Educação e Integração dos Surdos (Feneis), estima-se que existam cerca de 40 mil pessoas com surdocegueira no Brasil.

Fonte: CMBH

Últimas notícias

ver mais
Redução Salarial STF retoma julgamento da ADI 2238 dia 21 de agosto segunda-feira, 19/08/19 15:45 Fenajud convida sindicatos de base para mobilização no Supremo Tribunal Federal na data. Especialistas ...
transporte coletivo Acessibilidade no transporte rodoviário motiva visita segunda-feira, 19/08/19 15:39 Comissão vai ao DEER-MG para verificar a prestação de serviço às pessoas com deficiência ...
PEC 6/2019 Audiências sobre a reforma da Previdência dominam a semana da CCJ segunda-feira, 19/08/19 15:32 A Comissão de Constituição, Justiça e Cidadania (CCJ) dedicará quase toda a semana a ...

Convênios

ver mais
Cervejaria SLOD Bebidas / Cervejarias Jardim Canadá . Nova Lima (31) 3665 9207 www.slod.com.br 5% ver mais
Grupo Tauá de Hotéis Hotelaria Caeté e Araxá/MG . Atibaia/SP (31) 3236 1900 www.tauaresorts.com.br 10% ver mais
Clubes de Lazer do Cruzeiro Clubes Barro Preto e Pampulha . BH (31) 3291 2599 www.cruzeiro.com.br ISENÇÃO da Taxa de Adesão ver mais
Barbearia Medie Val Barbearia Cruzerio . BH (31) 3568 3712 https://goo.gl/x5scoU 10% a 20% ver mais
Top