ARTIGO

Cuidados com sua alimentação e saúde no verão

sexta-feira, 11/01/19 10:28

Em um País de sol quase o ano inteiro, como o Brasil, é difícil separar as férias das praias de muito calor. As altas temperaturas, no entanto, exigem cuidados especiais na escolha e conservação dos alimentos.

Em todas as situações, além do protetor solar, altas temperaturas exigem muito líquido e AINDA UMA ATENÇÃO REDOBRADA COM AS CRIANÇAS E IDOSOS !

O VERÃO é uma época propícia para o lazer, especialmente para o passeio ao ar livre, curtindo o sol e a natureza. Para aproveitar com saúde essas altas temperaturas, é preciso observar alguns cuidados com a alimentação e a hidratação.

HIDRATE-SE 

Durante o verão, as perdas de líquidos e de sais minerais pelo organismo são maiores do que em outras estações do ano. A transpiração excessiva, o esforço físico, ou vômitos e diarreias provocados pela ingestão de alimentos contaminados ou malconservados podem causar um problema comum: a desidratação.

Para prevenir, é importante uma alimentação equilibrada e líquidos de forma regular! É importante também usar roupas leves, respeitar os horários de exposição ao sol (antes das 10h e depois das 15h), assim como a conservação e forma de preparo dos alimentos.

Em condições normais, o organismo de um adulto perde em média 2,5 litros de água por dia na forma de suor, urina, fezes e transpiração. Por isso devemos repor essas perdas diárias com muito líquido na forma de água pura, chás sucos, leite …

A água de coco pode ser uma excelente opção nesse período de calor. Com baixo valor calórico (19 calorias /100ml), pode ser utilizada para substituir a água e saciar a sede, além de repor os eletrólitos como sódio e potássio em casos de desidratação ou durante atividade física intensa. Os diabéticos e hipertensos não devem exagerar, pois a água de coco fornece muito sódio e glicose. Em 100ml de água de coco, há 105 mg de sódio.

ALIMENTE-SE CORRETAMENTE

Nos dias de temperatura elevada, é comum a redução do apetite, ao contrário do inverno.  A  melhor forma de contornar isso é consumir alimentos de fácil digestão, como saladas, frutas, legumes, carnes magras, tomando sempre cuidados com os petiscos e sobremesas, geralmente muito calóricos e de difícil digestão.

Muitos alimentos apresentam a gordura de uma forma “escondida” ou camuflada, o que ocorre com os queijos curados, salgadinhos de pacotinho, pastéis, calabresas, salames, patês, maionese, chocolates, sorvetes, entre outros…

Dicas:

-Substitua o pastel frito pelo assado (menor quantidade);

– O sorvete pelo picolé de frutas;

– Chocolate pela barrinha de frutas; ou chocolate meio amargo

– Maionese por molhos à base de iogurte natural,

– Queijos curados pelos brancos.

 

ESTABELEÇA HORÁRIOS

Nas férias, é comum que os horários das refeições não sejam seguidos, tente estabelecer horários e ou pelo menos fracionar mais as refeições!

 

CONSUMA ALIMENTOS ADEQUADOS EM PRAIAS E CLUBES!

Procure sempre que possível levar algumas opções saudáveis, principalmente frutas e sucos. Use e abuse das frutas da época: Mangas, pêssegos, uvas, abacaxis, ameixas…

Tanto as frutas quantos os sucos devem ser mantidos gelados com auxílio de uma caixa térmica ou de isopor.

Outra dica é preparar lanches naturais. Rale cenoura, beterraba, utilize junto: ricota, queijo cottage, peito de frango, atum. Molhos a base de iogurtes naturais. Cuidado com milho verde, o ideal que seja consumido sem a manteiga, assim já se reduz as calorias!

CONSERVE OS ALIMENTOS DE FORMA ADEQUADA!

Nesse período, os alimentos se deterioram de forma mais rápida. Ao comprar frutas, legumes, verifique atentamente o estado geral, evitando sempre os mais maduros, amassados, batidos, manchados.

Armazene de imediato sob refrigeração. As frutas e verduras nas gavetas inferiores da geladeira e as carnes em geral na parte superior (congelador ou freezer). As carnes só devem ser armazenadas em outro compartimento da geladeira se forem consumidas no mesmo dia! Esses cuidados evitam as intoxicações alimentares.

CUIDADO COM O EXCESSO DE ÁLCOOL! As bebidas alcoólicas! Além de serem calóricas, em excesso, podem levar à desidratação!

Heloisa Helena

Especialista em Nutrícia Clínica, a área da nutrição que foca na ingestão adequada de alimentos e nutrientes para resistência a doenças. Heloísa também atua na área de nutrição esportiva, voltada para praticantes de atividades físicas.

Top