supersalários

Quais são as frentes para lidar com os supersalários no setor público

segunda-feira, 13/11/17 12:22

Executivo, Legislativo e Judiciário discutem o que o servidor pode ou não pode acumular nos vencimentos. Teto de R$ 33,7 mil é desrespeitado com frequência

O teto dos salários no funcionalismo público no Brasil é de R$ 33,7 mil. Em tese, ninguém pode receber mais do que esse valor, equivalente ao salário de um ministro do Supremo Tribunal Federal. Na prática, porém, é comum que funcionários de Estado, incluindo os três Poderes da República – Executivo, Legislativo e Judiciário – e as três instâncias de governo – municipal, estadual e federal -, recebam um valor superior. Isso acontece porque, em alguns casos, auxílios e benefícios extras – os chamados penduricalhos do contracheque – aumentam significativamente o dinheiro recebido no fim do mês. É comum que funcionários públicos recebam auxílio moradia e transporte. E existem também os que recebem acima do teto por acúmulo de cargos.

R$ 33.763 é o salário dos ministros do Supremo Tribunal Federal, limite para todos os outros salários do funcionalismo, segundo manda a Constituição.

Veja a matéria na íntegra aqui.

Fonte: Nexo

Últimas notícias

ver mais
"Planejamento e orçamento público" Abertas inscrições para curso sobre orçamento público terça-feira, 18/09/18 13:52 Interessados podem confirmar participação até 22 de novembro; capacitação pode ser concluída até dia ...
RESPEITA, TRIBUNAL! AMANHÃ É DIA DE ATO PÚBLICO; VÁ DE CAMISA PRETA! terça-feira, 18/09/18 11:50 Nesta quarta-feira, 19/9, às 13h, tem Ato Público Unificado para cobrar do TJMG mais ...
Top