Mobilização Nacional

24J: ato em defesa dos direitos e contra desmontes

quinta-feira, 15/07/21 18:16

Centrais sindicais divulgaram nota onde apontam pautas que serão levantadas durante mobilização. Entre os temas estão o auxílio emergencial de R$ 600, vacinas, emprego e democracia. Fenajud convida base a lutar também contra a reforma administrativa (PEC 32/2020).

As centrais sindicais decidiram se unir e convocar toda a base de trabalhadores e trabalhadoras do país para mais um ato contra os retrocessos. A atividade será realizada no dia 24 de julho e acontecerá em diversas cidades do país. Atendendo a este chamado, a Fenajud (Federação Nacional dos Trabalhadores do Judiciário nos Estados) soma-se as demais entidades e conclama sua base para a nova mobilização. Os locais serão informados mais próximo a data.

Para a entidade, o momento deve ser usado, além da defesa do auxílio emergencial de R$ 600, das vacinas, do emprego e da democracia, para lutar também contra a reforma administrativa que pode gerar inúmeros prejuízos aos servidores e servidoras, bem como para o conjunto da sociedade.

Por meio de nota, as entidades destacam que “o momento nos chama à união e à luta. Não nos interessa que tais manifestações sejam atribuídas apenas a um segmento da sociedade. Que sejam manifestações de um país, de uma nação! E para chegarmos a esse patamar precisamos ter a decência, a humildade e a inteligência de superar eventuais diferenças”.

“É hora mostrar que, conforme a história já mostrou, com diálogo e amplitude política somos capazes de combater as forças do atraso e construir um caminho de desenvolvimento pelo bem do País. Por isso, no Dia 24 de Julho, todos que desejam e lutam por um País democrático, justo, com empregos, vacina para todos, renda, moradia digna e transporte de qualidade devem participar dos Atos programados nas centenas de cidades do País”, reiteram as centrais sindicais.

“Por isso, no Dia 24 de Julho, todos que desejam e lutam por um País democrático, justo, com empregos, vacina para todos, renda, moradia digna e transporte de qualidade devem participar dos Atos programados nas centenas de cidades do País”, apontam.

Assinam o documento: Miguel Eduardo Torres, presidente da Força Sindical; Ricardo Patah, presidente da União Geral dos Trabalhadores (UGT); Antônio Neto, presidente da Central dos Sindicatos Brasileiros (CSB); Adilson Araújo, presidente da Central de Trabalhadores e Trabalhadoras do Brasil (CTB); José Reginaldo Inácio, presidente da Nova Central Sindical de Trabalhadores (NCST); Ubiraci Dantas Oliveira, presidente da Central Geral dos Trabalhadores do Brasil (CGTB) e José Gozze, presidente da Pública Central do Servidor.

Segurança sanitária

A Fenajud recomenda que todos e todas que desejarem se manifestar nas ruas, sigam todos os cuidados recomendados pelas autoridades sanitárias, como uso de máscara com três camadas e/ou de proteção face shield, mantendo o distanciamento social e levando em mãos álcool gel.

Aqueles que optarem por manter o isolamento social neste dia, deverão se manifestar nas redes sociais dos deputados, deputadas, senadores, senadoras e governo federal. O objetivo é mostrar sua indignação e cobrar dos parlamentares mudanças no cenário atual, bem como exigir a rejeição da PEC 32/2020 que dá fim ao serviço público no país e favorece o aumento da corrupção.

Diga não à PEC 32:

https://napressao.org.br/campanha/dig…

https://vaipiorar.com.br/

https://naoapec32.com.br/

Fonte: Fenajud

Convênios

ver mais
Buffet Santa Lúcia Buffet Santa Lúcia . BH (31) 3334-2064 www.buffetsantalucia.com.br 10% ver mais
Santeh Mesa Posta Decoração Barroca . BH (31) 98212-5343 www.santeh.com.br 20% ver mais
Duo Chez Buffet . BH (31) 98419-3295 20% ver mais
Wu Wen Kung Fu Artes Marciais Lourdes . BH (31) 2512-8916 ou (31) 99877-6446 wuwen.com.br ver mais
Top