ISONOMIA

ALEXANDRE PIRES DEFENDE AUXÍLIO-SAÚDE DIGNO PARA SERVIDORES DO JUDICIÁRIO EM LIVE DO SINTAJ-PB

quarta-feira, 21/02/24 15:06 montagem mostra uma mulher negra de costas, vestida com uma blusa branca, ela tem um laptop à sua frente e está com as mãos sobre o teclado, as unhas dela estão pintadas com esmalte vermelho. Na tela do computador, há uma tela onde há quatro pessoas, participantes de uma live do Sindicato SINTAJ-PB, em um dos quadros está o coordenador-geral do SINJUS-MG, Alexandre Pires, um homem branco, de cabelos bem curtos e barba bem curta. Conteúdo textual: Isonomia - Alexandre Pires defende Auxílio-Saúde digno para servidores do Judiciário em live do SINTAJ-PB.
FOTO: DC Studio / Freepik

Nessa segunda-feira, dia 19 de fevereiro, o coordenador-geral do SINJUS-MG e coordenador de Assuntos Jurídicos da Fenajud, Alexandre Pires, participou de uma live que abordou a urgente necessidade da garantia de um Auxílio-Saúde digno para os servidores do Judiciário brasileiro. O debate foi promovido pelo Sindicato dos Técnicos e Analistas do Judiciário do Estado da Paraíba (Sintaj-PB) e também teve a participação do vice-presidente da Associação dos Servidores da Secretaria do Tribunal de Justiça do Estado da Paraíba (ASSTJE), Altamir Pimentel, e do superintendente do Departamento Intersindical de Estatística e Estudos Socioeconômicos (Dieese) na Paraíba, Renato Silva.

Durante a transmissão ao vivo (clique aqui e assista o vídeo na íntegra), Alexandre Pires destacou que o Auxílio-Saúde é um direito dos servidores e que todos os sindicatos do País devem se engajar na luta para garantir que os tribunais de Justiça respeitem os princípios da isonomia e da razoabilidade.

Nesse contexto, o dirigente relembrou o Pedido de Providências protocolado pela Fenajud no Conselho Nacional de Justiça (CNJ), o qual cobra isonomia entre o Auxílio-Saúde dos servidores, que hoje não tem uma diretriz por parte do Conselho, e dos magistrados, que já tem uma regulamentação que garante valores equivalentes a 10% do respectivo subsídio mensal.

“Estamos defendendo o benefício de caráter indenizatório e que o seu valor tenha como piso o correspondente a 8% do subsídio recebido por um juiz substituto. Desse modo, o servidor poderá fazer o seu planejamento de saúde, inclusive adotando cuidados preventivos como o custeio de atividades como pilates, terapias, academia e acompanhamento nutricional”, complementa Alexandre Pires.

Em sua participação, Altamir Pimentel destacou que a Resolução do CNJ 294/2019 determina que os tribunais de Justiça são obrigados a instituir um programa de assistência de saúde suplementar para magistrados e servidores, ativos e inativos, seguindo os princípios da legalidade, da razoabilidade e da proporcionalidade. Já Renato Silva apresentou um levantamento sobre o Auxílio-Saúde dos servidores em todos os estados brasileiros, no qual foi possível identificar discrepâncias decorrentes justamente da inexistência de um piso para o benefício por parte do CNJ.

SINJUS segue na luta por um Auxílio-Saúde digno no TJMG

Apesar do aumento anunciado no final do ano passado, os valores do Auxílio-Saúde dos servidores do Tribunal de Justiça de Minas Gerais (TJMG) seguem pelo menos seis vezes menores que o do benefício pago aos magistrados. Essa situação reflete a total falta de isonomia, de razoabilidade e de desproporcionalidade com que a assistência de saúde entre as duas categorias é tratada pela Presidência do Tribunal.

Por isso, o SINJUS, juntamente com o SERJUSMIG e o SINDOJUS/MG, estão em uma campanha por um Auxílio-Saúde digno. Essa é uma das pautas prioritárias neste ano de 2024 e que será tratada em todas as reuniões da Mesa de Negociação até que o presidente do TJMG, desembargador José Arthur Filho, honre o compromisso de um reajuste substancial no benefício. Acompanhe as mídias do SINJUS e fique por dentro de cada episódio dessa batalha.

SINDICATO É PRA LUTAR!

Notícias relacionadas

A imagem apresenta um médico segurando uma prancheta com um estetoscópio preso a ele. Na prancheta está escrito: “Auxílio-Saúde Digno Já! Conteúdo textual: Disparidade. Adequação do Auxílio-Saúde segue como luta prioritária em 2024.
DISPARIDADE ADEQUAÇÃO DO AUXÍLIO-SAÚDE SEGUE COMO LUTA PRIORITÁRIA EM 2024 sexta-feira, 12/01/24 18:20 Apesar do aumento anunciado no dia 18 de dezembro de 2023, a disparidade nos valores do Auxílio-Saúde dos servidores frente ao benefício pago a magistrados e também aos preços praticados no mercado de saúde suplementar segue sendo motivo de ... leia mais

Últimas notícias

ver mais
Imagem Acessível: Há duas pessoas, um homem negro e uma mulher branca em trajes sociais em frente ao computador. O ambiente está escuro, iluminado somente pelo monitor, há vários computadores em bancadas com cadeiras vazias em frente. Conteúdo textual: Plantão de habeas corpus - TJMG realiza pagamentos apenas para plantões realizados até 2023 e sindicatos criticam falta de transparência. PLANTÃO DE HABEAS CORPUS TJMG REALIZA PAGAMENTOS APENAS PARA PLANTÕES REALIZADOS ATÉ 2023 E SINDICATOS CRITICAM FALTA DE TRANSPARÊNCIA sexta-feira, 12/04/24 18:50 O SINDOJUS/MG, o SERJUSMIG e o SINJUS-MG informam que a administração do Tribunal de ...
Imagem Acessível: Vista aérea do espaço de convivência na sede do TJMG, um lugar amplo, com muitos canteiros verdes em formatos orgânicos, gazebos e bem iluminado. Conteúdo textual: PRIORIDADES? - TJ REFORMULA ESPAÇO DE CONVIVÊNCIA, MAS CONDIÇÕES PREDIAIS CONTINUAM INADEQUADAS. PRIORIDADES? TJ REFORMULA ESPAÇO DE CONVIVÊNCIA, MAS CONDIÇÕES PREDIAIS CONTINUAM INADEQUADAS sexta-feira, 12/04/24 17:39 O Tribunal de Justiça de Minas Gerais (TJMG) inaugurou, nesta quinta-feira, 11 de abril, ...
TRANSPARÊNCIA AGO APROVA CONTAS DE 2023 E ORÇAMENTO 2024 DO SINJUS sexta-feira, 12/04/24 17:32 As filiadas e os filiados ao SINJUS-MG aprovaram, por unanimidade, nesta sexta-feira, dia 12 ...

Convênios

ver mais
Espaço GS Pilates Fisioterapia Coração de Jesus . Belo Horizonte (31) 98284-0699 15% ver mais
DROGA RAIA Convênios . Belo Horizonte, RMBH, Rio de Janeiro, São Paulo, sul do Brasil. www.drogaraia.com.br 17% a 44% ver mais
DROGASIL Convênios . Minas Gerais, São Paulo, Nordeste, Centro-Oeste e Norte do Brasil www.drogasil.com.br 17% a 44% ver mais
Top Fale conosco