LUTA NACIONAL

FENAJUD E SINDICATOS CONTRA A REFORMA ADMINISTRATIVA

quinta-feira, 10/09/20 14:58

A Reforma Administrativa federal, que pretende modificar e desestruturar todo o funcionalismo público no Brasil, bate à nossa porta. Portanto, é hora de enfrentar a situação, organizar ações e defender o serviço público e seus trabalhadores e trabalhadoras. Por isso, a Federação Nacional dos Trabalhadores do Judiciário nos Estados (Fenajud) vai reunir os membros da Coordenação Executiva Colegiada e os presidentes ou coordenadores(as)-gerais dos sindicatos filiados para uma atividade que será realizada durante todo o dia de 18 de setembro.

O SINJUS-MG será representado pelo seu coordenador-geral, Alexandre Pires, que, juntamente com os outros dirigentes sindicais do País, vai acompanhar uma análise de conjuntura na primeira parte da reunião. Logo depois vai ser debatida a malfada Reforma Administrativa federal.

O objetivo da Fenajud é traçar uma proposta em parceria com as entidades filiadas para derrotar a reforma do governo de Jair Bolsonaro, que segue em tramitação no Congresso Nacional.

Participação das entidades

Conforme decisão do último Conselho de Representantes Extraordinário, realizado de forma virtual no dia 3 de setembro, será permitida a participação de dois coordenadores/diretores por sindicato filiado, sendo que no período matutino todos terão direito a voz e apenas um por sindicato a voto.

No período vespertino apenas o diretor/coordenador/presidente na forma do Estatuto terá direito a voz e voto, os demais apenas funcionarão como assistentes.

E, ainda conforme o Estatuto, nesta atividade só será permitida a participarão das entidades filiadas quites com suas obrigações financeiras (Parágrafo único do Art. 24-D).

Notícias relacionadas

SERVIÇO PÚBLICO REFORMA ADMINISTRATIVA FEDERAL TERÁ BATALHA JUDICIAL quarta-feira, 09/09/20 14:14 Antes mesmo de passar por votação no Congresso, Proposta de Emenda à Constituição 32/2020 da reforma administrativa já encontra barreiras jurídicas. O Supremo Tribunal Federal (STF) se prepara para analisar o texto do governo, que, na prática, pode resultar ... leia mais

Convênios

ver mais
Top