BATALHA NA ALMG

SINJUS PREPARA AÇÕES PARA BARRAR REGIME DE RECUPERAÇÃO FISCAL

sexta-feira, 08/10/21 16:08 Ao fundo há uma foto da fachada da Assembleia Legislativa de Minas Gerais com destaque para o monumento que consiste em um triângulo vazado em um círculo de bronze. Sobre a foto, há a aplicação de uma ilustração de um trator amarelo demolindo o triângulo vermelho simbolizando Minas Gerais.

Foto: Sarah Torres/ALMG

Diante do sério risco de congelamento de salários e carreiras das servidoras e dos servidores públicos de Minas Gerais, o SINJUS-MG, entidades sindicais e deputados aliados já preparam ações para barrar a proposta do governador Romeu Zema (Novo) de adesão do estado ao Regime de Recuperação Fiscal (RRF). Nesta sexta-feira, dia 8 de outubro, uma reunião foi realizada para alinhar as estratégias de luta e pressão sobre os parlamentares da Assembleia Legislativa de Minas Gerais (ALMG).

Com o pedido de urgência do governador para a tramitação do Projeto de Lei 1.202/2019, a ALMG deve apreciar o texto em no máximo 45 dias. Após esse prazo, a pauta do Plenário fica trancada, impedida de votar qualquer outra matéria que não seja a que propõe a adesão de Minas Gerais ao RRF. Por isso, as articulações de lideranças sindicais e políticas, bem como a mobilização dos servidores, serão fundamentais nos próximos dias.

“Nessa primeira reunião, a deputada estadual Beatriz Cerqueira (PT) traçou um panorama do cenário na Assembleia acerca da proposta do governo de Minas e, assim, analisamos o impacto do pedido de urgência na tramitação do projeto. Com a retomada dos trabalhos presenciais na ALMG, a pressão das categorias precisa ser intensificada. Várias entidades estão unidas para barrar a adesão ao Regime de Recuperação Fiscal (RRF)”, destaca o coordenador-geral do SINJUS, Alexandre Pires.

A partir do dia 18 de outubro, uma série de ações serão realizadas pelas entidades sindicais, incluindo reuniões com parlamentares e protestos. Acompanhe as mídias do SINJUS e fique informado sobre as convocatórias.

Live do SINJUS detalhou os impactos do RRF para os servidores mineiros

A adesão de Minas Gerais ao Regime de Recuperação Fiscal proposto pelo governo Jair Bolsonaro prevê o congelamento de salários e a suspensão por nove anos de concessões de importantes direitos como as promoções, o adicional de desempenho e as férias-prêmio. Além de atacar o funcionalismo e fragilizar ainda mais o serviço público oferecido à população, a aprovação do projeto dará meios para que o governador Romeu Zema imponha o seu plano de privatização de estatais.

Todos os impactos para a vida funcional dos servidores e também para a população de Minas Gerais foram detalhados na Live SINJUS #33. Participaram da transmissão o coordenador-geral do SINJUS, Alexandre Pires, o diretor de Assuntos Jurídicos, Wagner Ferreira, e o economista do Departamento Intersindical de Estatística e Estudos Socioeconômicos (Dieese) Thiago Rodarte.

Confira abaixo as explicações e análise sobre mais esse ataque ao serviço público.


SINDICATO É PRA LUTAR!

Notícias relacionadas

Romeu Zema ao centro da mesa com os demais membros de Poder sentados ao lado em sala do Palácio da Liberdade
RECUPERAÇÃO FISCAL INEFICIÊNCIA DE ZEMA TRAZ DE VOLTA O RISCO DO RRF terça-feira, 14/09/21 19:21 Perto de completar o seu terceiro ano de mandato, o governador Romeu Zema (NOVO) voltou a pedir socorro aos demais Poderes para resolver problemas do Executivo. Apesar dos aumentos crescentes de arrecadação, da venda de folhas de pagamentos, do ... leia mais

Últimas notícias

ver mais
#ImagemAcessível: Imagem aérea de Brasília onde se vê o Congresso Nacional no centro da imagem e os ministérios de cada lado. CENÁRIO REFORMA ADMINISTRATIVA TEM CHANCES MÉDIAS NA CÂMARA E BAIXAS NO SENADO sexta-feira, 15/10/21 20:15 Foto: Commons Polêmica e criticada pela maioria das organizações ligadas ao funcionalismo público, a ...
Crianças e Livros: um encontro especial do SINJUS-MG sexta-feira, 15/10/21 09:03 Confira nossa live especial de Dia das Crianças. Tivemos contação de histórias, brincadeiras e ...
#ImagemAcessível: Montagem com fundo azul. Do lado esquerdo está o desenho de uma mão amarela segurando um saco de dinheiro. Do lado direito está a foto do advogado especialista em direito previdenciário, Abelardo Sapucaia: homem branco com olhos claros, calvo, vestindo terno preto com camisa branca e gravata rosa. Acima da foto está a logomarca do Núcleo de Aposentados e Pensionistas do SINJUS. Abaixo se encontra a logomarca da plataforma Google Meet. Conteúdo textual: Reforma da Previdência, 19 de outubro, terça-feira, às quinze dezesseis horas. APÓS REFORMA  REUNIÃO DO NAP VAI DETALHAR MUDANÇAS NA PREVIDÊNCIA  quinta-feira, 14/10/21 19:13 Na próxima terça-feira, dia 19 de outubro, às 16h, o Núcleo de Aposentados e ...
Top Fale conosco